Em formação

Quão graciosa e gentil era a beleza da Virgem. Poema de natal para crianças

Quão graciosa e gentil era a beleza da Virgem. Poema de natal para crianças

O Natal!

Temporada de boas intenções para o próximo ano, embora você precise tê-los durante todo o ano. Chega um palco de festa, de alegria porque Jesus nasceu, mas também de reflexão e oração.

Aqui deixo-vos uma bela poesia do escritor Luis rosales, para que você possa ensinar a seus filhos neste Natal, sobre a beleza da Virgem.

Marrom pelo sol da alegria,

contemplado pela luz da promessa,

jardim onde o sangue voa e pesa;

Imaculada, Virgem Maria!

Que fluxo te ensinou harmonia

do seu simples passo, que surpresa

de voo arrependido e neve ilesa,

apertar as mãos na madrugada fria?

Que vento perturba o momento e o move?

O amanhecer prometido canta sua alegria,

o mar acalma suas angústias, antigas e boas.

A Virgem não se atreve a olhar para ele,

e o vôo de sua voz ajoelhada

cantai ao Senhor, que chora pelo feno.

De 6 anos As crianças começam a ler sozinhas, mas não só é importante que saibam ler as palavras, mas também as compreendam.

Esses exercícios de compreensão de leitura o ajudarão a saber se seu filho entendeu bem o texto que leu.

- De quem está falando o poema?

- Quem é o filho da Virgem?

- O que você diria à Virgem?

Você pode ler mais artigos semelhantes a Quão graciosa e gentil era a beleza da Virgem. Poema de natal para crianças, na categoria Natal no site.


Vídeo: POEMA À VIRGEM MARIA (Janeiro 2022).