Em formação

12 segredos para saber se seu filho precisa de óculos

12 segredos para saber se seu filho precisa de óculos

Estima-se que os distúrbios de refração e acuidade visual (miopia, hipermetropia, astigmatismo) afetem uma em cada cinco crianças em idade escolar. Seu filho pode ser um deles.

Como você pode saber se seu filho precisa de óculos? No Guiainfantil.com Damos-lhe doze pistas para descobrir:

1- O professor da escola sugeriu isso a você. É um clássico. Os educadores costumam ser os primeiros a ficarem cientes do problema, especialmente se a criança estiver nas últimas filas da classe. A partir daí, ele admite abertamente que 'vê embaçado'.

2 - Prefere sentar nas primeiras filas. A timidez natural de quase todas as crianças em relação ao professor faz com que elas se afastem das primeiras filas. Se preferirem sentar na frente, podem não ver bem.

3 - Está muito próximo do papel. Eles fazem isso para se concentrar mais facilmente.

4 - Pisca ou pisca excessivamente. Esse fato é inespecífico e também podemos encontrá-lo em outros processos, como tiques.

5 - Sinal dos 'olhos estreitos'. Os olhos estreitos mostram que ele está forçando os olhos.

6 - Fica tonto durante a leitura. Deve-se também ao esforço de acomodação visual.

7- coceira nos olhos. Essas crianças tendem a esfregar os olhos, principalmente no final do dia ou durante o horário escolar.

8 - Queixa-se repetidamente de dor de cabeça na saída da escola.

9 - Vermelhidão dos olhos. Se houver um esforço envolvido, o suprimento de sangue aos olhos aumenta. Assim, podemos apreciar os capilares da área branca do olho (conjuntiva) carregados de sangue.

10 - Perca o fio da leitura, pulando letras, palavras ou frases. Também pode acontecer durante a escrita. Isso às vezes é erroneamente atribuído ao transtorno de déficit de atenção.

11 - Mudança nas preferências do jogo. Algumas crianças com problemas visuais param de jogar futebol porque veem mal a bola; Outros, ao contrário, passam de leitores inveterados a um grande interesse pelos jogos ao ar livre (o que acontece com eles é que enxergam mal e os livros ficam desconfortáveis).

12 - Incline a cabeça para o lado ao ler e escrever. Este fato aparece quando há uma clara diferença na acuidade visual entre os dois olhos.

Se houver várias dessas 'pistas suspeitas' em seu filho, você deve ir ao pediatra de sua família. Ele pode confirmar se você está correto.

Confirmado, seu filho precisa usar óculos. E agora você se pergunta, quais óculos escolher? Assusta a quantidade de modelos, cores, formatos de óculos que estão nas lojas. Isso acontece com muitos pais que precisam comprar óculos corretivos para seus filhos. Pensando nisso, reunimos algumas dicas para quando você precisar comprar óculos infantis.

1. A primeira coisa que você deve ter é a receita onde o resultado será especificado com todos os detalhes da consulta do oftalmologista do seu filho. Nele estará a formatura que seu filho precisa.

2. Deixe os óculos confortáveis. Isso significa que não incomodam a criança, tanto no rosto (ponte do nariz) quanto atrás da orelha, e não pressionam sua bochecha.

3. Que são flexíveis, ajustáveis ​​e seguros. E que não caiam quando a criança se curva, pula, corre ou brinca, ou quando pratica esportes.

4. Que a criança goste. É importante que o objeto que a criança vai usar no rosto seja do seu agrado. Portanto, a criança deve estar envolvida na escolha dos óculos. Você pode escolher o modelo, as cores e o tipo de óculos que mais gosta.

5. Que os vidros sejam resistentes e leves ao mesmo tempo. As armações de silicone são altamente recomendadas porque evitam quebras e são muito confortáveis.

6. Sem pressa. Reserve um tempo para escolher os óculos para seu filho. Isso não pode ser feito levianamente. A saúde visual das crianças está em jogo.

Você pode ler mais artigos semelhantes a 12 segredos para saber se seu filho precisa de óculos, na categoria Visão in loco.


Vídeo: 7 Coisas Que Podem Mudar A Cor Dos Seus Olhos (Dezembro 2021).