Em formação

Como educar e fazer as crianças se amarem

Como educar e fazer as crianças se amarem

Aumentar a autoestima de nossos filhos é importante para que possam estabelecer relações de confiança e respeito com os outros. Só então eles podem respeitar, aceitar e amar aqueles ao seu redor. Muito interessante o manual que o professor Maria Marta Castro Martin, especialista em estimulação precoce e adequada, de Estímulos apropriados, um site sobre autoestima.

Em seu manual, ela destaca quatro condições importantes para melhorar a auto-estima das crianças:

Aceitarque o filho ou filha é outra pessoa independente e diferente de nós, e muito valiosa. Devemos aceitá-los mesmo que suas características não sejam o que gostaríamos que fossem.

- Educar os filhos em um contexto de limites bem definidos e firmes. As crianças precisam sentir e perceber que nos importamos e não que somos indiferentes a elas. Os limites devem ser justos, razoáveis ​​e negociáveis. Liberdade ilimitada ou autoritarismo não vale a pena. Deve ser exercida uma autoridade que escute, atenda, negocie e também penalize o descumprimento das regras.

- O que é respeitar as crianças? É ouvir seus desejos, atender às suas necessidades e negociar as regras da casa. Isso NÃO significa deixá-los fazer o que quiserem. A permissividade destrói o esforço, a disciplina, o autocontrole, a responsabilidade e a autoconfiança.

- Se ele nível de autoestima dos pais é alto, o mesmo é mais provável de acontecer com seus filhos. A importância de se amar também é transmitida. Pais e mães são modelos de aprendizagem, importantes e necessários para que a criança comece sua caminhada a partir de bons exemplos a imitar. Amor, aceitação e respeito são os três pilares básicos sobre os quais se baseia um ambiente seguro ideal para uma criança.

De acordo com o manual que recomendo, para que os pais alcancem alta autoestima em seus filhos é necessário:

1- Deixe claro que seu filho é outra pessoa, independente e diferente.

2- Oferecer-lhe uma segurança coerente, entre o que é ensinado e o que é feito.

3- Faça com que ele se sinta uma pessoa única e insubstituível.

4- Ame e mostre sua alegria em tê-lo como um filho. Tocando, beijando, acariciando, sempre, em qualquer fase.

5- Aceite e respeite seu filho como ele é.

6- Estabeleça limites para seu filho.

7- Oferecer normas e expectativas quanto ao seu comportamento e desempenho.

8- Elogie e critique a conduta e o comportamento de seu filho, nunca a sua pessoa.

9- Evite usar linguagem negativa.

10- Motive e incentive a tomada de decisões e responsabilidades para o seu filho.

11- Não prive seu filho de cometer erros. NÃO o proteja demais.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Como educar e fazer as crianças se amarem, na categoria Aprendizagem no local.


Vídeo: Como eu enganei meu cérebro para gostar de fazer coisas difíceis detox de dopamina (Dezembro 2021).