Em formação

Simon e sua pulga. História infantil sobre amizade

Simon e sua pulga. História infantil sobre amizade

Os amigos são muito importantes, não é necessário ter muitos, mas sim muito bons. Bons amigos nos ouvem, nos entendem, nos apoiam e estão nos momentos bons e ruins.

Para fazer as crianças compreenderem o valor dos amigos na infância, sugerimos que você leia esta comovente história, Simon and his flea, uma história infantil sobre amizade, que você pode comentar como uma família para extrair todo o seu significado.

Simon era um cachorro abandonado. Ele não tinha família, nem casa, nem ocupação. A única coisa que o pobre Simon tinha era uma pulga presunçosa no cabelo.

- Simon, você é um inútil. Eles não querem você em nenhum trabalho e você está emagrecendo a cada dia. Se continuar assim, serei obrigada a abandonar você também - dizia a pulga em vão.

- Sou um cachorro honesto. Só me falta sorte na vida. Eu também toco gaita bem.

- É verdade, mas para que serve?

- Isso me ajuda a me acompanhar e me sentir vivo.

- Coisa boba! Exclamou a pulga, rindo do cachorro.

“Não ria de mim, nós dois temos algo em comum,” Simon continuou.

- O que temos em comum?

- O seu nome e o meu, ambos têm cinco letras.

"Acho que é a única coisa que temos em comum", respondeu a pulga com orgulho.

Simon passou as noites frias de inverno em um celeiro abandonado em ruínas.

Ele se deitou em uma pilha de palha que o aqueceu. Naquela noite gelada, ele sentiu muito frio e teve que cavar na palha para se cobrir. Com tanto movimento, aconteceu que a pulga roçou uma folha de palha e caiu no chão do palheiro.

Simon procurou por ela entre a pilha de palha. Como estava muito escuro, ele não conseguiu encontrá-la.

Ele ligou para ela várias vezes.

- Pulga, pulga! Onde te metes-te? Você não vai querer me abandonar também?

A pulga não sabia o que fazer. Ela estava perdida em tanta palha e não conseguia parar de espirrar. Ela estava muito triste e então percebeu o quanto precisava de Simon.

-Como tenho sido orgulhoso e vaidoso! Simon é um bom cachorro e eu tive que perdê-lo para perceber isso.

Simon não sabia o que fazer. Ele achava que era o fim de seu longo relacionamento com aquele animalzinho que fazia cócegas em suas costelas.

Simón tocou a mais bela de suas canções com sua gaita.

A pulga ouviu a melodia, o som a alcançando claramente. Simon não poderia estar longe. Guiada pela música, que ouvia com intensidade crescente, conseguiu ver um flash de luz. Era o metal da gaita de Simon.

Ela respirou fundo e contraiu todas as perninhas. Ele saltou como nunca antes.

A pulga conseguiu tocar a gaita que Simon ainda tocava.

O cachorro, enlouquecido de felicidade, viu a pulga pular ao ritmo da música. A verdade é que ele dançou fenomenalmente.

- Perdoe-me, Simon. Não fui justo com você - a pulga se desculpou.

- Volte nas minhas costas, pequena pulga. A partir de hoje nossa sorte mudará.

- Obrigado. Como estou quente aqui entre seus cabelos!

Os dois se amontoaram e dormiram até o amanhecer.

Mais tarde, conta a história, que Simon e a pulga formaram uma dupla de artistas muito famosa. Entre canções e danças conseguiram comprar uma casa para viver com conforto e ser felizes para sempre.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Simon e sua pulga. História infantil sobre amizade, na categoria Contos infantis no site.


Vídeo: Pocoyo em Português. a Aventura dos Espíritos de Natal. Novos Episódios 2020 (Dezembro 2021).