Em formação

Como as férias afetam o desenvolvimento infantil

Como as férias afetam o desenvolvimento infantil

As férias em família estão associadas ao lazer, diversão e relaxamento. Esses aspectos, que levam ao relaxamento e à mudança da rotina dos adultos, têm papel fundamental no desenvolvimento das crianças.

As experiências vividas durante os períodos de férias favorecem positivamente o seu desenvolvimento intelectual. Contamos como os feriados afetam o desenvolvimento da criança.

Os períodos de férias influenciam positivamente seis aspectos de seu crescimento:

- O desenvolvimento dos sistemas cerebrais: as experiências das crianças durante os períodos de férias ativam uma série de componentes do comportamento humano que favorecem positivamente o desenvolvimento intelectual.

- A creatividade: O contato com a natureza oferece espaços de desenvolvimento cognitivo e emocional, favorecendo a capacidade de exploração, a convivência grupal e a atenção, contribui para a resolução de problemas e, acima de tudo, ajuda-os a diferenciar as áreas de trabalho das áreas de descanso e tempos livres. A criatividade é estimulada pela descoberta de novos hábitos

- Concentração: O contato com novos ambientes melhora a capacidade de concentração. De acordo com um estudo realizado pela Universidade de Illinois, estar em contato com a natureza por mais de 20 minutos faz com que as crianças melhorem seus níveis de atenção e concentração. Além disso, o estudo também afirma que viver em áreas verdes ajuda a baixar a pressão arterial, reduz o estresse em crianças e tem um efeito positivo em crianças com TDAH.

- QI: As férias afetam o desenvolvimento da criança porque implicam também uma mudança na rotina e no ambiente de toda a família. Essas alterações fazem com que o lobo frontal dos pequenos seja estimulado, aumentando assim suas funções executivas e promovendo o desenvolvimento de seu quociente intelectual, sua saúde física e sua saúde mental.

- A felicidade: Durante as férias, o desejo de curiosidade e interação social nas crianças é promovido e são liberados neurotransmissores de bem-estar que desempenham um papel fundamental no desenvolvimento do caráter e das relações sociais, pois reduzem o estresse, ativam sentimentos de proximidade e generosidade e contribuem para a melhoria do seu bem-estar. Pesquisadores e pediatras mostraram que os níveis de felicidade das crianças aumentam quando vão de férias ou planejam esses períodos com os pais. Tudo isso gera uma emoção de espera que contribui para vivenciar emoções positivas tanto no interior quanto nas interações familiares.

- Laços familiares: o modo de vida moderno caracterizado por pais com longas jornadas de trabalho e uma rotina apressada, não facilita o fortalecimento dos laços familiares. Encontrar tempo para o núcleo familiar não é apenas importante, mas necessário para todos os membros. Portanto, as férias são a oportunidade de passar momentos e compartilhar experiências juntos e sem pressa. Nesse sentido, as viagens em família têm um efeito muito positivo nas crianças, uma vez que sentem que recebem toda a atenção e carinho dos pais. Isso ajuda a aumentar o nível de autoestima e afeta positivamente o desenvolvimento de sua pessoa, primeiro na fase da adolescência e depois na idade adulta.

Andrea del campo

Você pode ler mais artigos semelhantes a Como as férias afetam o desenvolvimento infantil, na categoria Lazer no local.


Vídeo: WEBINAR. GIARDÍASE, ENTENDA ESSA DOENÇA QUE AFETA CÃES E GATOS. Profª Lanuze Mozzer - Rede Formar (Janeiro 2022).