Em formação

Por que as crianças dançarinas são mais felizes

Por que as crianças dançarinas são mais felizes

Seus filhos gostam de dançar? Se sim, incentive esse hobby, não é necessário pagar caro por aulas de dança, podemos simplesmente colocar música em casa e ... dançar!

E é que dançar deixa crianças e adultos mais felizes. Esta não é uma afirmação feita levianamente, é um fato cientificamente comprovado. Vários estudos corroboram o quão boa é a dança e todos os benefícios que ela traz, mas entre todos eles o mais importante é justamente isso: a felicidade.

Vários artigos afirmam isso: dançar torna as crianças mais felizes. É o que afirma um estudo publicado na revista Archives of Pediatrics & Adolescent Medicine, que analisou 112 adolescentes que sofriam de problemas nas costas e pescoço, além de estados de ansiedade e estresse. Metade das meninas frequentava aulas de dança semanalmente. O estudo mostrou que essas meninas não só conseguiram melhorar seu estado de saúde, mas seu estado emocional mudou radicalmente, superando a depressão e reduzindo seu nível de ansiedade.

Outros estudos obtiveram resultados semelhantes: na University of Derby (Reino Unido), na University of New York ou na University of Öbrero (Suécia). Em todas elas foi demonstrado que o humor das pessoas que dançaram, sejam adultos ou crianças, melhorou notavelmente.

O que há na dança que torna as crianças mais felizes? Crianças e adultos que dançam regularmente, seja nas aulas de dança ou em casa; que convivem com música, ritmo e movimento de forma regular, têm um estado mental muito mais positivo, enfim, são mais felizes. E é que a dança nos ajuda a:

- Melhorar a autoestima, os filhos se sentem mais à vontade consigo mesmos e, portanto, isso lhes dá mais recursos para superar problemas pessoais, enfrentar desafios e situações.

- Durante a dança, as células cerebrais têm mais oxigenação, o que afeta um aumento da atividade cerebral, que se traduz em um melhor atenção e capacidade de trabalhar mais rápido.

- Para as crianças a dança é outra forma de brincar, por isso está associada a momentos de diversão e prazer.

- A dança estimula o sistema motor e o equilíbrio da criança.

- Aumenta a concentração, pois a dança contribui para o crescimento das células nervosas no cérebro. A dança obriga a lembrar passos e movimentos, portanto, ativa a memória também.

- Quando a criança dança, há liberação de endorfinas, um hormônio natural, que produz um estado de bem-estar e felicidade e ajuda a afastar pensamentos negativos.

- A dança, constante e periodicamente, reduz o nível de estresse e ansiedade.

Não importa o tipo de dança, não importa se a criança gosta de rap, balé ou salsa; se a criança dança melhor ou pior; Quer ele dance sozinho, com você ou com amigos, o importante é tudo o que se consegue com a introdução da dança em sua vida.

E é isso, não só é um exercício fantástico, mas também proporciona a tão desejada felicidade. Se dançar deixa crianças e adultos mais felizes, basta colocar uma música e ... deixar-se levar!

Você pode ler mais artigos semelhantes a Por que as crianças dançarinas são mais felizes, na categoria Esportes no site.


Vídeo: O Principe Feliz. Historia Completa. Desenho animado infantil com Os Amiguinhos (Janeiro 2022).